Diet, Light e Zero: Quais as diferenças e indicações?

Aproveitando que a Maratona do Emagrecimento está logo aí, nosso texto de hoje traz um tema recorrente na Vitascience.

Diariamente, somos bombardeados com diversos produtos que se colocam como saudáveis e benéficos para a saúde. Nessa pequena lista, temos alimentos light, diet e zero, mas qual é a diferença entre eles? Será que um diabético pode consumir qualquer um desses alimentos sem se preocupar? Essas são perguntas que raramente são respondidas, mas hoje eu vou explicar a diferença entre cada uma delas e suas indicações.

 

DIET

 

Produtos diet são isentos de algum produto, podendo ser açúcar, carboidrato, sódio ou gordura. Porém, tirar um desses componentes acaba criando a necessidade de aumentar outro. Um exemplo bem básico é retirar o açúcar, mas suprir com gordura ou sódio. O ideal é sempre estar 100% atento à tabela nutricional do alimento, muitas vezes o alimento diet acaba sendo mais calórico que o convencional.

 

Para os diabéticos essa leitura da tabela nutricional se torna ainda mais necessária, uma vez que ele pode não conter gorduras e ter açúcar, esse tira e põe de ingredientes faz com que o produto diet possa ser um mecanismo maravilhoso para dietas de emagrecimento, ou um verdadeiro vilão.

 

A indicação desse produto vai para grupos restritos como diabéticos, hipertensos ou pessoas que sofrem com colesterol alto. Lembrando que, como eu disse acima, esses produtos devem ser utilizados com extremo cuidado, a leitura do rótulo é fundamental. O pulo do gato nesse caso é prestar atenção nas letras pequenas e em cada um dos ingredientes.

 

LIGHT

 

Vamos derrubar o mito que “se é light é bom”. Enquanto o diet tem a remoção de um componente, o light possui pelo menos 25% de teor reduzido de algum nutriente. Geralmente, você encontra qual nutriente está reduzido na própria embalagem. Já passou no mercado e viu um pacote lindo em cores azuis escrito “25% menos açúcar”? Essa é a essência do light. 

 

Para quem busca uma vida mais saudável, lembre-se, você está optando por um alimento industrializado em média 25% “melhor” que a opção convencional. O consumo desenfreado de alimentos light pode prejudicar, e muito, a dieta de emagrecimento. Dado que, mesmo com a redução calórica, ainda não é um alimento saudável e isento de açúcares ou gorduras.

ZERO

 

Já vimos um produto que retira o componente e supre com outro e o que apenas reduz sua quantidade na receita, o que falta? Os alimentos zero, assim como os diet, retiram um nutriente da sua formulação, a diferença é que eles não o substituem por outro. Logo, o zero açúcar, diferentemente do diet, realmente vai ter uma redução calórica expressiva. Esse sim é a categoria indicada principalmente para diabéticos, afinal o zero açúcar pode ser consumido. Claro que deve ser feito com moderação e sempre com acompanhamento constante de um médico.

 

Para o pessoal que está de dieta, pode comer à vontade doces zero? Não! Por mais que ele apresente uma redução expressiva de calorias, o fato de não ter açúcar não significa que não contenha gordura. Logo, um consumo exagerado desse tipo de alimento pode te fazer ingerir mais gorduras do que deve diariamente.

 

DIET, LIGHT OU ZERO NO EMAGRECIMENTO

 

Percebeu que eu citei muito emagrecimento aqui, certo? Tem um motivo muito especial para isso ter acontecido, diversas vezes as pessoas buscam opções light, diet ou zero juntamente com uma dieta maluca para atingir o peso ideal na balança. Acontece que você até pode chegar, mas assim que parar o famoso efeito sanfona toma conta. Diet, light ou zero podem ser utilizados no emagrecimento, mas podem ser verdadeiros vilões se você não souber como utilizá-los a seu favor.  Por isso, o acompanhamento com nutricionista é tão importante.

 

PRODUTOS FIT

 

Vamos aproveitar para falar algo muito importante, todo produto rotulado como “fit” é melhor que o convencional? Vou exibir duas tabelas nutricionais em seguida, uma peguei a bolacha em sua versão normal, em seguida no seguimento “fit”.

 

Versão original

Versão Fit

Repare nos números, literalmente 1 caloria separa uma tabela da outra. Os outros números também não mudam expressivamente, portanto cuidado, nem todo produto fit vai te ajudar a atingir o corpo dos sonhos. Sempre opte por uma alimentação natural e acompanhamento com um nutricionista, são esses pequenos erros que te impedem de emagrecer definitivamente.

 

Referências

https://www.uni7.edu.br/recursos/imagens/File/publicidade/monografia/2010/Monografia_Juliana_Alexandre.pdf

http://portal.anvisa.gov.br/documents/111522/2783329/Consumo+e+Sa%C3%BAde+Dezembro+2013+-+Ano+6+-+N%C2%BA+33/97f196ad-92db-4752-b645-13556a063ddc

http://portal.anvisa.gov.br/documents/33916/396679/manual_consumidor.pdf/e31144d3-0207-4a37-9b3b-e4638d48934b

https://link.springer.com/article/10.1007/s13197-015-1816-1

https://revista.pgsskroton.com/index.php/JHealthSci/article/view/5818

http://portal.unisepe.com.br/unifia/wp-content/uploads/sites/10001/2018/06/007_quant_sodio_gorduratrans.pdf

 

Escrito por:

Dayan Siebra

Dayan Siebra