3 estratégias naturais para baixar a pressão

Hoje trago uma dúvida muito importante: por que será que anos após anos, mesmo tomando certinho meus remédios, a minha pressão arterial só aumenta e consequentemente as minhas dosagens de remédios químicos também?

 

A explicação para essa elevação de hipertensão sem fim pode estar no fato de que nós médicos somos muito bons em prescrever drogas químicas, como captopril e losartana, porém falhamos em te ajudar a ir para cozinha e fazer dos alimentos, das ervas e das plantas os seus melhores medicamentos rejuvenescedores.

 

Nos últimos 11 anos, eu tenho estudado dia e noite a fisiologia do corpo e a potencialidade dos alimentos para ajudar quem me segue a ter uma vida com mais saúde e menos remédio. 

 

Dessa maneira, eu desenvolvi um método de rejuvenescimento científico, que tem a alimentação como um dos principais pilares para restaurar todo o corpo.

 

Esse método pode te ajudar a prevenir, tratar e até reverter os principais desequilíbrios do organismo, entre eles, a perigosa hipertensão. 

 

Hoje eu trouxe 3 alimentos que podem te apoiar, definitivamente, a agir lá na origem da sua pressão alta e te ajudar a voltar a ser um 12 por 8.

 

Eu mesmo fui cobaia desse método. Aos 35 anos, eu era um obeso e hipertenso que chegou a registrar pico de pressão na casa dos 22 por 11, bem próximo de ter um acidente vascular cerebral. E estudando uma forma de me salvar, eu aprendi que tão importante quanto aquilo que você exclui da dieta, é aquilo que você inclui.  

 

Porque eu sei e a ciência comprova que você também pode colocar a hipertensão no passado, não importa quantos anos você tenha e nem há quanto tempo você luta contra esse desequilíbrio pressórico que acelera o envelhecimento.

 

Bom,  para te mostrar porque só as drogas químicas não vão resolver de verdade o seu problema, vou explicar tudo sobre a pressão alta. 

 

Ela é uma condição silenciosa que pode permanecer despercebida, mas que anda com as doenças mais perigosas da atualidade.  

 

Esse descompasso da pressão é o responsável direto por metade de todas as mortes causadas por doenças cardiovasculares no mundo, além de ser um dos sintomas principais que impedem o seu emagrecimento, te deixam inchada e com dificuldade de queimar gordura. 

 

Sem contar que também impactam diretamente no desempenho sexual. Visto que a mesma falta de circulação que eleva a sua pressão também colhe outros feitos. É ela quem diminui a lubrificação nas mulheres e derruba a ereção nos homens. 

 

Segundo dados do Ministério da Saúde, 1 em cada 4 brasileiros tem problema de pressão alta, ou seja, a hipertensão atinge 25% da população brasileira. Mais de 60% das pessoas acima de 65 anos são atingidas. 

 

Para piorar o problema, estudos mostraram que o tratamento medicamentoso para pressão arterial “alta” e até hipertensão leve não é eficaz. Uma grande revisão de ensaios clínicos randomizados (estudos com alto nível de validade científica) realizados pela prestigiada Cochrane Collaboration (uma organização sem fins lucrativos que concentra os principais dados médicos do mundo, em uma única plataforma)  descobriu algo preocupante. Os medicamentos anti-hipertensivos usados para tratar a hipertensão leve (aquela que fica na casa dos 14 por 9, 15 por 10) não reduzem as complicações da doença ou o risco de morte.

 

Se fosse só ineficiência para prevenir mortalidade já seria ruim, mas olha só o que mais está nas caixinhas escondido nas bulas de pílulas que você toma: 

 

A lista de efeitos colaterais que os anti-hipertensivos podem causar inclui: 

 

• Tonturas (que podem levar a quedas) 

• Retenção de líquidos 

• Alterações na frequência cardíaca 

• Dor de cabeça 

• Vômitos 

• Enjoo 

• Suor excessivo 

• Perda da libido 

• Até mesmo impotência. 

 

Ou seja, a qualidade de vida do usuário de medicamento é bastante afetada pelos efeitos colaterais de algo que, já dizem os estudos, pode nem resolver o problema mais grave que queremos evitar, que é a morte por hipertensão. 

 

Ainda assim, quase todo mundo que eu conheço tem um remédio para controlar a pressão para chamar de seu. Os remédios para pressão alta são consumidos por 1 em cada 4 brasileiros.

Quando você coloca na balança os riscos e os benefícios de usar um medicamento para pressão por muito tempo, o peso dos prejuízos não pode ser descartado. 

 

Sim, o uso pontual de remédios faz sentido, precisa ser respeitado, mas não é ele quem vai resolver a origem da pressão que eleva dia após dia. São as barricadas de toxinas, maus hábitos e substâncias inflamatórias acumuladas na sua circulação impedindo que o sangue circule livremente.

 

Quando tudo funciona bem dentro de você o enredo é assim: o coração bombeia o sangue com a intensidade certa e as artérias não estão rígidas, obstruídas ou contraídas. 

 

Como um encanamento perfeito, é essa rede que leva oxigênio e nutrientes para a cada célula do seu corpo, permitindo que o cérebro pensa rápido, fígado faz detox, rim excreta sujeira.  

 

Por isso que pressão arterial controlada é reflexo de um organismo sempre jovem, funcionando em 100%

 

Quando esse fluxo de sangue é interrompido e a pressão sobe, você precisa de forma urgente olhar para a sua alimentação e tomar 3 ações imediatas

 

Parar de colocar para dentro toxinas que entopem seus vasos e artérias e impedem o bom fluxo de sangue

Incluir na rotina substâncias faxineiras que vão fazer uma limpa nessas barricadas

Usar elementos naturais de ação emergencial que vão contribuir no ato para dilatar seus vasos e  artérias e baixar a sua pressão.

 

E essas três ações têm a alimentação rejuvenescedora e terapêutica como aliada. 

 

Quais são os alimentos que mais elevam a pressão?

 

– Açúcar

– Glúten

– Leite

– Industrializados com muito sódio.

 

Sódio em excesso petrifica veias e artérias e eleva a sua pressão. 

3 ESTRATÉGIAS PARA BAIXAR A PRESSÃO

 

Suco de beterraba para baixar a pressão e emagrecer

 

Estou em um caso de amor com a beterraba, tenho falado bastante dele porque realmente funciona A beterraba é rica em nitratos que se transformam em óxido nítrico no corpo. Ele é tão poderoso que ele dilata as veias e artérias em 20 minutos, conforme concluíram os pesquisadores no estudo publicado no The Journal Clinical of Hypertension.

 

Sua ação é tão poderosa que vários médicos que eu conheço indicam suco de beterraba para serem usados em momentos de crises hipertensivas. Não à toa, a descoberta do óxido nítrico rendeu o nobel aos descobridores em 1998. Tanto o suco de beterraba crua, quanto a beterraba cozida, foram considerados eficazes na redução da pressão arterial e na diminuição da inflamação. No entanto, o suco de beterraba crua teve um efeito maior.

 

Segundo pesquisas, beber 250 mL de suco de beterraba diariamente diminui a pressão.

 

MAGNÉSIO, o rei da pressão controlada – tem até no chocolate

 

De tudo que estudei não tenho porque não afirmar que esse mineral é um dos mais importantes anti-hipertensivos naturais que existe. E seu grande feito é a intensa capacidade relaxante que promove uma melhor dilatação dos vasos sanguíneos. 

O consumo pode ser feito através de vegetais verdes, chocolate amargo e suplementação.

Couve, Brócolis, Couve de Bruxelas e principalmente o espinafre , por exemplo, são caracterizados por terem a presença marcante de magnésio. Coma espinafre ao menos duas vezes por semana e folhosos verdes em todas as refeições. Chocolate amargo, com teor cacau mais de 70% também é outra fonte magnesiana, além de ser uma delícia.

Além disso, para quem está hipertenso, eu também indico a suplementação de magnésio, em especial o magnésio dimalato. Foi demonstrado que a suplementação em doses de 350 mg a 1.000 mg por dia durante um período de oito semanas reduziu significativamente a pressão sanguínea.

 

Chá de hibisco

 

As pétalas de hibisco contêm uma variedade polifenóis benéficos, como as antocianinas, que dão ao chá sua cor forte e característica.  

 

Esses polifenóis são poderosos antioxidantes que ajudam a limpar as barricadas da circulação, lembra? Um estudo em 60 pessoas com diabetes demonstrou que aqueles que beberam um copo (240 mL) de chá de hibisco duas vezes por dia durante 1 mês experimentaram reduções significativas na pressão arterial.

 

O ideal é que o chá seja preparado com a flor desidratada.  A bebida deve ser feita por infusão, duas e três xícaras por dia são suficientes

 

Os 3 alimentos sozinhos não vão fazer milagre e rejuvenescer da noite para o dia o seu corpo. Mas sei que sem investir em uma alimentação rejuvenescedora, o feito de controlar a sua pressão e melhorar a performance do corpo é quase impossível. Aqui só dei um aperitivo do que alguns alimentos podem fazer. 

 

Se quer saber mais sobre os superalimentos que agem na causa raiz das doenças, faça a inscrição para esse baita evento gratuito que eu to organizando e que o link está aqui na descrição, caso você ainda não tenha feito.

 

Eu sei que juntos nós vamos quebrar o mito de que envelhecer é adoecer. 

 

E, assim como eu, você pode ficar mais jovem a cada aniversário, com a pressão controlada e uma vida com mais saúde e menos remédio. 

 

Participe do evento para mais dicas

Escrito por:

Dayan Siebra

Dayan Siebra